Antevisão HIMYM: Irá Ted finalmente assumir a sua relação com Barney?

Setembro é o mês de estreia de séries na América. Algumas começam, outras continuam, umas tantas (finalmente) terminam.

“How I met your mother” inclui-se na última categoria. Ao fim de 9 temporadas, vai acabar. Diga-se, com um ou duas temporadas a mais.

Ted está a ficar cada vez mais piegas e irritante, dando uma enorme vontade de lhe infligir dor. Até mesmo Barney está a ficar gay (level Ted), neste momento o Neil Patrick Harris em comparação com estas personagens, é um macho latino (que pega de marcha atrás, pronto).

Na verdade, a ideia de a “mãe” ser o Barney com um chapéu amarelo, até ficaria bem.

Todavia, e após uma intensa expectativa, a “mãe” apareceu. Infelizmente com a cara um pouco amachucada, nada de muito grave, mas com alguns fogachos de camafeu. Tal facto talvez se deva aos tomates “papá smurf” de Ted. Convínhamos que ao fim de tantos anos à procura, nem ele nem o little ted, tenham conseguido aguentar mais.

Para além da mother, nesta temporada é expectável ver Barney mais lamechas e um Robin super feminina. Acrescente-se Marshall e Lily iguais desde sempre e um Ted a dar pulinhos de alegria, pois vai concretizar o sonho de qualquer princesa e casar de branco. Quanto à versão Ted 50 anos, vai finalmente (ao fim de 9 anos) parar de contar a história. Ele que já deve ter feridas no rabo, tantos tempo que está sentado.

Quanto a HIMYM, que sempre sofreu de comparações com a série “Friends”, acaba por apresentar as mesmas qualidades e defeitos desta. Oscila entre momentos hilariantes e excessivo “enchimento de chouriços”, sem que a história se desenvolva.

Se HIMYM fosse um bolo, seria um Cheesecake com 5 dias. Tem bom aspecto, ainda se come, mas já não é a mesma coisa do início. Aliás, se pensarmos melhor, HIMYM é a Cameron Diaz (pelas mesmas razões do cheese).

 image

ARTIGOS POPULARES

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com