The-Hurt-Locker-the-hurt-locker-12026215-1200-674

Estado de Guerra (The Hurt Locker, 2008)

Estado de Guerra é um filme sobre a Guerra do Iraque e acompanha o dia-a-dia de uma unidade especializada em desarmar bombas. A entrada de um novo líder nesta unidade (Jeremy Renner), um especialista que está em contato direto com o dispositivo explosivo e que apresenta um comportamento errático, despreocupado e próximo do negligente, gera apreensão entre os seus colegas de equipa.

 Esta obra pinta um retrato do que se passa em zonas de combate que é, simultaneamente, simples e realista: desde a contagem decrescente dos dias que determinada unidade tem ainda de cumprir, até às dificuldades que estão presentes quando se opera num país estrangeiro, em que muitos dos residentes conspiram contra as forças armadas. O suspense é das melhores qualidades do filme e o facto de se estar a lidar com algo tão imprevisível como aparelhos que podem explodir e matar toda a gente (para colocar a situação em termos suaves) contribui muito para este efeito. Os atores são competentes no seu papel, com Jeremy Renner a receber algum do protagonismo e a fazer bom uso dele, com um desempenho de qualidade, oscilando sem escorregar entre a irreverência de um irresponsável e a seriedade de um líder preocupado.

 Infelizmente, e apesar dos pontos positivos, é questionável classificar Estado de Guerra como um filme merecedor de um Óscar: pouco acrescenta ao género e não se percebe a mensagem elevada que pretende transmitir – aquilo que faz, já Rambo havia feito em 1982. Cinematograficamente é bom, mas nada de extraordinário. Conclusão: é um filme mediano que não tem realmente nada em particular que o faça elevar-se acima da competição. O assunto era particularmente sensível na altura, mas até que ponto isso deveria ser um fator para a Academia, é uma questão que fica no ar.

 Assim Estado de Guerra é um filme de guerra aceitável, com desempenhos aceitáveis e qualidade e defeitos aceitáveis. Mais inaceitável é ter ganho o Óscar de Melhor Filme, mas será algo que o Spoon terá de aceitar até meter os pés na Academia.

ARTIGOS POPULARES

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com