AfOK8vWDU0mx8rkWubQdOUXgLjy

Patton (1970)

Patton é um filme que se foca na carreira militar do controverso general norte-americano George S. Patton Jr., particularmente na fase da II Guerra Mundial. Neste conflito armado, o General Patton comandou tropas em diversas zonas desde África à Europa, chegando a unir as suas tropas ao exército russo, em certas circunstâncias.

 O início mostra Patton no centro do palco, a discursar sobre a II Guerra Mundial, mas rapidamente se percebe que a II Guerra pouco interessa – para lá de fornecer o contexto em que ocorre aquilo que se quer contar. E o que se quer contar é: quem é esta pessoa? Quem é o General George S. Patton? A resposta vai sendo dada ao longo dos 172 minutos de história, através de anos de combate e dos altos e baixos da sua vida e da sua carreira – que, no fundo, são a mesma coisa para este general.

 Do ponto de vista da produção, esta é uma daquelas obras – semelhante a Lawrence da Arábia – em que a quantidade, qualidade e dimensão dos cenários, dos atores e figurantes e das próprias cenas de ação explosiva (com tanques, mísseis e aviões) é simplesmente abismal e de deixar o espectador boquiaberto. Também como no filme referido, muito do protagonismo centra-se numa personagem particular, diferente de todas as outras e perante quem todas as outras se tornam inferiores. Contudo, sem outro conteúdo de particular interesse, Patton acaba por se resumir ao género biográfico.

 É um filme que retrata o que significa ser, realmente, um soldado. E, neste caso, um soldado na essência da palavra: alguém que vive para a guerra porque ama a guerra e nada mais quer fazer do que a guerra. E ganhar, principalmente ganhar. Longe das ideias mais romantizadas e idílicas do estereótipo do guerreiro, neste filme vê-se um lado mais negro disso, um lado que tanto pode ajudar a atingir incontáveis triunfos como a deixar escapar oportunidades únicas.

 Desta forma, Patton é um filme de qualidade que se foca fortemente em duas coisas: numa guerra (a II Guerra Mundial) e num general que, apesar de ser reto e severo, tem uma moral flexível, na área cinzenta das habituais posições “preto ou branco” comuns em tempo de guerra. Acaba por ser um interessante – ainda que extenuante, devido à sua duração – mergulho na vida deste homem.

ARTIGOS POPULARES

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com