teddy-flood-and-dolores-shooting-gun-westworld

Série para Reviver o Velho Oeste num Futuro Próximo

Westworld é a mais recente aposta da HBO. Depois do sucesso de Game Of Thrones, Westworld tem tudo para ser considerada a série revelação deste ano.

Westworld

Nº de Episódios: 10 (1ª Temporada)

Duração dos Episódios: 56 minutos

Baseado no filme homónimo de 1973, escrito e dirigido pelo escritor norte-americano Michael Crichton, esta série estreou a 2 de outubro de 2016, tendo chegado ao final da primeira temporada no passado 4 de dezembro, com um total de dez episódios.

A série está a cargo dos produtores executivos Jonathan Nolan (Person of Interest, 2011), juntamente com a sua mulher Lisa Joy (Burn Notice, 2007), Bryan BurkJerry Weintraub e J. J. Abrams. No seu elenco encontramos nomes como Anthony Hopkins (The Silence of the Lambs, 1991); Jeffrey Wright (Boardwalk Empire, 2013); Evan Rachel Wood (True Blood, 2009), Ed Harris (Apollo 13, 1995), Rodrigo Santoro (300, 2006) e Thandie Newton (Crash, 2004).

A história passa-se num futuro tecnologicamente avançado, centrado no parque temático, Westworld, que simula o Velho Oeste. Este local é habitado por “anfitriões”, que foram concebidos para satisfazerem os desejos dos visitantes do parque, denominados por “recém-chegados”. Estes, pagam uma grande quantia de dinheiro para visitarem o parque e poderem brincar ao faz-de-conta durante uns dias. Enquanto, alguns preferem passar os dias no saloon a beber e a satisfazerem-se sexualmente, outros divertem-se a perseguir bandidos, sagrando-se heróis. Os restantes escolhem pôr em prática os seus desejos mais profundos, desde violações a homicídios, sendo que, em nenhuma da situações, saem magoados.

No início, a narrativa foca muito o casal Teddy e Dolores (James Marsden e Evan Rachel Wood), que estão programados para seguir um guião feito pelo escritor que trabalha para o parque. Mas a história vai muito além disso, quando se começa a falar de Arnold. Arnold, juntamente com Dr. Ford (Anthony Hopkins) são os criadores do parque, e também os responsáveis pela criação dos anfitriões, que têm vindo a modificar-se ao longo do tempo.

Westworld

Cena entre a anfitriã Dolores Abernathy (Evan Rachel Wood), e o visitante, Homem de Negro (Ed Harris)

Westworld retrata muito mais que simples robôs que satisfazem os desejos (principalmente sexuais) dos visitantes, até porque alguns dos anfitriões começam a suspeitar que algo de errado se passa com eles. E é aí que a série se torna interessante. Para além de surpreendente e intrigante do início ao final de todos os episódios, a história traz de volta as tradições do western, juntamente com as maravilhas da tecnologia do futuro, que embora pareçam dois universos diferentes, conseguem ter aqui uma boa interligação.

Esta série não é para quem ama um bom vilão, ou para quem prefere um bom herói, destina-se a todos os que apreciam uma história com suspense, onde nada é determinado e dado com certo. Não retrata algo tão simples, como uma guerra entre robôs (criaturas) e humanos (criadores), pois o nível de sofisticação é falacioso, não sendo apenas uma série sobre robótica, múltiplas linhas do tempo e disputas de poder corporativo. Retrata uma história sobre nós, humanos, e com o que nos importamos.

Westworld é sem sombra de dúvidas, uma das produções mais ambiciosas da HBO, fruto de um esforço criativo que instiga e impressiona qualquer um, tal qual vimos recentemente na excelente série Black Mirror.

A juntar à história e ao elenco excecional, adiciona-se uma banda sonora, a cargo de Ramin Djawadi, que também é responsável pela parte musical em Game of Thrones. Desde o tema principal, que nos parece transportar para a realidade da série, até aos temas mais secundários, a música em Westworld é algo excepcional. O piano, não só em contexto instrumental da série, também se revela importante para a história da mesma, o que deixa o espectador ainda mais encantado por este conceito.

As audiências da estreia foram as mais elevadas desde a série True Detective, e tem recebido imensos elogios especialmente pela caracterização das personagens, pelos efeitos visuais, pela história e os elementos temáticos.

Neste ano, recebeu o prémio de Melhor Atriz de série Dramática (Evan Rachel Wood) e Melhor Actriz Secundária de série Dramática (Thandie Newton), nos Critics’ Choice Awards, e está nomeada para o Globo de Ouro de Melhor Série Dramática.

A 14 de novembro de 2016, a HBO renovou a série para uma segunda temporada, prevista para estrear em 2018, e prevê-se que dure pelo menos 5 temporadas.

Por isso, se ficaram curiosos, podem sempre ver (ou rever) a primeira temporada!

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com