maxresdefault (1)

Morreu Carla Laemmle, uma das últimas estrelas do cinema mudo (com vídeo)

Esta é uma das notícias que passou mais despercebida na última semana e seria uma falta de respeito pela arte não mencioná-la. Carla Laemmle, uma dançarina e atriz cujo tio, Carla Laemmle, fundou a Universal Studios, onde ela cresceu, morreu na passada quinta-feira à noite em sua casa, em Los Angeles. Ela era uma das poucas atrizes vivas da era dos filmes mudos de Hollywood. Tinha 104 anos.

Nascida em Chicago, em 20 de outubro de 1909, Laemmle mudou-se para Los Angeles no inicio da década de 20, quando o seu tio convidou o irmão dela e respetiva família para viver num bungalow perto dos estúdios da Universal.

Depois, tornou-se bailarina e atriz, aparecendo em Fantasma da Ópera (1925) e Drácula (1931).

Fiquem com esta entrevista de Laemmle, para perceberem quem ela foi.

Perde-se assim uma das últimas ligações à era do cinema mudo em Hollywood.

Fonte: Hollywood Reporter

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com